Avaliação de impacto ao patrimônio arqueológico no sudoeste do Paraná

Avaliação de impacto ao patrimônio arqueológico no sudoeste do Paraná

As atividades foram realizadas por pesquisadores da Espaço Arqueologia

No mês de abril de 2019, pesquisadores da Espaço Arqueologia realizaram levantamento de campo no município de Mangueirinha, região sudoeste do estado do Paraná. As atividades de avaliação de impacto ao patrimônio arqueológico aconteceram na área de implantação da CGH Vila Nova, a qual será instalada na margem esquerda do Córrego Vila Nova.

Segundo consta no Cadastro Nacional de Sítios Arqueológicos, o município de Mangueirinha conta com 16 sítios arqueológicos registrados. A maioria desses sítios são classificados como cerâmicos, associados a populações Jê Meridionais ou Guarani. Apenas um sítio é composto por vestígios líticos ligados à ocupação de grupos caçadores-coletores na região. Assim, tais sítios apontaram para o alto potencial arqueológico da área, levando à realização do presente estudo.

Na pesquisa de campo, foram realizadas vistorias em superfície, por meio de caminhamentos sistemáticos, e em subsuperfície, com a execução de poços-teste. Após a aplicação dos procedimentos metodológicos, não foram identificados sítios arqueológicos na área do empreendimento.

Visando a divulgação da pesquisa e do patrimônio arqueológico presentes na região, foram realizadas duas ações voltadas para a comunidade mangueirinhense. Primeiro, uma visita à Escola Municipal André Dorini, onde o arqueólogo coordenador de campo foi recebido pela secretária e pela coordenadora pedagógica da instituição de ensino. Nesta ocasião, foi conversado sobre os aspectos da pesquisa arqueológica que estava sendo desenvolvida no município e sobre o contexto arqueológico local, tema ilustrado com materiais didático-informativos que foram distribuídos. Estas ações também foram realizadas junto aos moradores residentes nas localidades próximas ao empreendimento. Ainda com estes moradores, foram realizadas entrevistas a fim de levantar informações sobre o local que poderiam contribuir com o levantamento arqueológico realizado em campo.